Colégio Santiago -

Berçário, creche e jardim de Infância, Outurela, Oeiras | 2007-2008 | construído

Colégio Santiago

Berçário, creche e jardim de Infância, Outurela, Oeiras | 2007-2008 | construído
Autoria – Estúdio Urbano Arquitectos | Projectos de Especialidades – Pórtico Vertical, Lda.| Programa – Creche e jardim de infância | Área de construção – 587,52m2 | Data Projecto – 2007 | Fase de trabalho – construído
O projecto integra a instalação de uma creche (3 meses aos 3 anos) com capacidade para 33 crianças, com um jardim de infância (3 anos aos 6 anos), com capacidade para 75 crianças, perfazendo um total de capacidade de 108 crianças. Procurou-se que a creche / jardim de infância fosse um espaço de forte relação com o espaço exterior, de modo a incentivar todo o tipo de actividades lúdicas no exterior do equipamento. Pela configuração dos lotes e pela sua posição em termos urbanos, permite que o espaço exterior seja um espaço autónomo, elevado sobre a rua, permitindo assim maior privacidade e segurança. Em termos de orientação solar a creche / jardim de infância tem um bom funcionamento pois tanto o espaço exterior como todas as salas de actividades são orientadas a Sul/Sudoeste, o que permite uma óptima exposição solar durante a maior parte do dia. A cozinha, sala polivalente/sala de refeições, átrio de acolhimento e gabinete, sendo zonas que não necessitam de tanta exposição solar, têm uma orientação Norte/Nordeste.
Autoria – Estúdio Urbano Arquitectos | Projectos de Especialidades – Pórtico Vertical, Lda.| Programa – Creche e jardim de infância | Área de construção – 587,52m2 | Data Projecto – 2007 | Fase de trabalho – construído
O projecto integra a instalação de uma creche (3 meses aos 3 anos) com capacidade para 33 crianças, com um jardim de infância (3 anos aos 6 anos), com capacidade para 75 crianças, perfazendo um total de capacidade de 108 crianças. Procurou-se que a creche / jardim de infância fosse um espaço de forte relação com o espaço exterior, de modo a incentivar todo o tipo de actividades lúdicas no exterior do equipamento. Pela configuração dos lotes e pela sua posição em termos urbanos, permite que o espaço exterior seja um espaço autónomo, elevado sobre a rua, permitindo assim maior privacidade e segurança. Em termos de orientação solar a creche / jardim de infância tem um bom funcionamento pois tanto o espaço exterior como todas as salas de actividades são orientadas a Sul/Sudoeste, o que permite uma óptima exposição solar durante a maior parte do dia. A cozinha, sala polivalente/sala de refeições, átrio de acolhimento e gabinete, sendo zonas que não necessitam de tanta exposição solar, têm uma orientação Norte/Nordeste.